• Abigail Santos

ELIMINANDO DISTRAÇÕES


Equilíbrio é importante e necessário para todos nós.

Todos os dias somos bombardeados por uma gama de informação, bem na palma de nossas mãos. As redes sociais e a internet, no geral, nos tornaram seres conectados, sem tempo para nada e por vezes, pseudoconhecedores de uma verdade, que se quer existe. Toda essa facilidade de informação e conexão tem seu lado bom, porém, é importante saber dosar. Equilíbrio é uma necessidade básica na nossa vida.

Seria interessante, parar e analisar quanto do nosso tempo estamos dedicando a coisas supérfluas e exposição exacerbada, com uma única intenção, a de divulgar nossa vida e assim, quem sabe um dia, colher os louros de uma fama repentina. Estamos nos tornando uma geração doentia e solitária, sem tempo para nada que perpasse os limites estabelecidos pelas redes sociais ou pela internet. Sair de casa ou estar desconectados é algo que está se tornando inviável para a geração Z(as pessoas que pertencem a esta geração são conhecidas como nativos da internet) e para fazer justiça, acontece o mesmo com a nossa geração ¥ .

Eliminar as distrações é necessário, para que possamos focar no que realmente importa. É certamente o mais desafiador na busca por nossos objetivos. São elas que acabam dominando nosso tempo e a principal causa de procrastinação, ao menos para mim. Tony Robbins em seu best-seller Desperte o seu gigante interior, explica que é preciso aprender a usar o tempo em nosso proveito, ao invés de permitir que ele domine nossos níveis de satisfação e estresse.

A pergunta que deve ser feita é: Qual a nossa prioridade? Qual a sua prioridade? Elencar prioridades, nos dará uma percepção de que estamos disposto a abdicar do prazer momentâneo, pelo presente e futuro que desejamos.

A segunda necessidade imediata é a de identificar sua pedra no caminho. No texto, falo exclusivamente da internet e do celular, pois, sei que tem sido "pedra no sapato" de grande parte da população brasileira, já que segundo dados da FOLHA (2016), somos o terceiro país do mundo que fica mais tempo online pelo celular.

Sei bem que atualmente, fazemos tudo pelo celular. Trabalhar e estudar são duas atividades importantes que fazemos em nosso dia-a-dia. Quando comento sobre eliminar as distrações, trato principalmente e obrigatoriamente do supérfluo , do que não é necessário e mesmo assim, praticamos dia após dias, como num "loop infinito" .

A atividade do dia, consiste em descobrir a sua pedra e decidir se irá jogá-la fora, ou ficar com ela de vez.

O que gostaria de realizar?(prioridade) O que tem te impedido? (distração)

Vou compartilhar minha própria experiência, neste sentido. Com 10 anos de idade, ainda chupava chupeta (uma mania que não conseguia abandonar) e me sentia muito triste com isso (queria ser mais madura, rs! Vê se pode!), fiquei semanas remoendo uma fórmula de abandonar esse hábito da minha vida. Até que um dia, já não aguentava mais e tomei uma decisão, assumi um compromisso comigo, o de abandonar de vez a chupeta e não seria amanhã e nem depois, seria naquela mesma noite. O que fiz? Elaborei um plano, iria passar o dia inteiro brincando, estudando, conversando com as coleguinhas do bairro, com o único objetivo de ficar o mais exausta possível. Depois, esconderia a chupeta, num local que seria difícil voltar no meio da noite para procurar e em seguida iria dormir. Fiz isso, por 4 dias e ao final do quinto dia, já não sentia tanta falta da chupeta. Foi aí que finalmente me senti livre para jogá-la fora de vez. Desde aquele dia, nunca mais voltei a chupar a bendita chupeta.

Pontos importantes:

  1. Descobrindo a prioridade: me tornar mais madura, parecer mais responsável.

  2. Identificando a distração: chupeta

  3. Eliminando a distração: elaborei um plano e escondi a chupeta, ao final do quarto dia, joguei fora mesmo.

Parece um exemplo bobo, mas acredito que agora ficará bem mais fácil para você. Vamos eliminar as distrações e focar no que realmente importa?

Gratidão!

#coaching #AUTOCONHECIMENTO #aprendizado #despessoal

  • SPOTIFY
  • AMAZON

Copyright © 2017 por ABIGAIL SANTOS